Rússia desenvolve tratamento inovador contra a Aids

Em 2000 a Russia era o país com a mais alta taxa de aumento de casos de Aids do mundo, hoje o quadro esta menor mas ainda preocupante se comparado com o Brasil (Quadro Abaixo), mas parece que este quadro esta mudando. Segundo a edição o jornal Moskovsky Komsomolets a Rússia está preparando o lançamento de um novo tratamento para a Aids.

Trata-se de um medicamento desenvolvido por cientistas russos em estreita colaboração com especialistas em tecnologias biológicas da Suíça. O projeto não tem precedentes no mundo e conta com o apoio do renomado cientista russo Zhores Alferov, Prêmio Nobel de Física de 2000.

O novo fármaco, atualmente chamado de VM-1500, se encontra em fase de testes clínicos e pode ser patenteado no mercado nacional dentro de dois ou três anos.

O VM-1500 pertence ao grupo de inibidores da transcriptase reversa, que bloqueiam a capacidade do vírus de se replicar. Até agora, os especialistas russos não identificaram efeitos colaterais da nova droga.

Com informações do Diário da Rússia