Análise – Shadowhunters Season 2A

shadowhunters

Shadowhunters chegou ao final da primeira parte da segunda temporada e o meu coração não está aguentando de tanto amor por essa série. Se você abandonou a série lá no comecinho porque ela parecia fraca demais, eu te imploro!!!! VOLTE! A série precisa de você tanto quanto você precisa dela na sua vida!


Alguns fãs dos livros da Cassie Clare fizeram algumas pequenas reclamações sobre o rumo que a série tomou em determinado momento, mas quem é fã dos livros pode ficar bem contente porque apesar das mudanças a essência todinha está ali. Eles não mudaram tudo, mas mexeram e trocaram algumas peças de lugar em total benefício da serie.

Os atores também estão cada vez mais incorporados com seus personagens e se lá atras você achou a Clary fraquinha, o Jace forçado e um Magnos estranho, agora você simplesmente quer agradecer aos céus por eles existirem na sua vida.


Atenção : Natura faz hoje liquidação com até 60% off (Veja aqui)

Durante esta primeira parte da segunda temporada eu tive contato com os atores, vou rever alguns deles em Maio na #Shadowcon ( pretendo contar tudo aqui) e comecei a ser mais ativa no contato com eles via rede social e eles são incrivelmente receptivos. Sério, o carisma, o carinho deles com os fãs faz qualquer probleminha da primeira temporada cair por terra.

Mas chega de rasgação de seda aos atores ( que eu amo muito mesmo) porque eu quero compartilhar com vocês quais foram as minhas cenas favoritas dessa primeira parte da segunda temporada. Se você ainda não assistiu a esta temporada, ou se você ainda não atualizou todos os episódios, volte depois! Abaixo contém spoiler!!

#Climon

Ok, calma porque eu também sou team #Clace, mas não podemos negar que a química entre o Alb e a Kat é uma coisa incrível. Eles carregam isso dos personagens, nos livros Clary e Simon são grandes amigos que por uma brecha no destino acabam se envolvendo romanticamente. No entanto, sempre paira no ar aquele leve desconforto do tipo “somos amigos, isso é estranho, mas é legal, então bora continuar”. Pra mim esse romance dos dois foi uma das coisas mais bem feitas nessa season 2A, eu consegui ver claramente os meus personagens favoritos envolvidos como são nos livros.

#Malec 

Tivemos um aprofundamento da relação entre Alec e Magnus que foi incrivelmente “breathtaking” para todos os fãs do casal. Conseguimos ver um Alec mais maduro, mais seguro do que sente pelo Magnus e ao mesmo tempo lutando pra colocar todos os sentimentos em ordem. Do outro lado, temos um Magnus tentando entender quão profundo e diferente é este amor que ele sente pelo Alec. É diferente de tudo que ele já viveu, e olha que ele já viveu muito. E finalmente tivemos a primeira troca de “Eu te amo” entre eles. Quem é team Malec teve um prato cheio de emoções nessa season 2A.

#Valentine

E eles acertaram na escolha do ator para ser o nosso Valentine! Desde Reign eu ganhei um certo amor pelo Alan Van, ele carrega um olhar sádico no personagem mas que ao mesmo tempo não te faz odiá-lo 100%. Foi assim com o mad king em Reign e assim vem sendo em Shadowhunters. Ao contrário de Sebastian (quem leu os livros entende o que eu estou falando), Valentine não é completamente desumano e apesar de ter uma mente distorcida quando o assunto é submundo, ele também já foi um caçador de sombras um dia e carrega os mesmos conflitos de um ser humano sedento por poder.

#Jace

O personagem evoluiu muito nesta temporada. Com a mente atordoada após saber que é irmão de seu maior e único amor, o personagem fica perdido. Em um primeiro momento, além do baque da descoberta e do iminente término de seu romance com Clary, Jace ainda está sendo caçado pela Clave por traição e é ai que entra o melhor de Dom Sherwood. O personagem não tem nada a perder e vemos uma atuação incrível do ator neste momento tão delicado do personagem. A cena onde ele mata praticamente um ninho repleto de vampiros sozinho é de tirar o fôlego.

#Izzy

Ok, o rumo que deram pra Izzy até aqui pra mim foi um dos mais confusos. Na verdade foi confuso para todo mundo. Não sei ao certo qual o objetivo da série em colocar ela em um quase romance com Raphael, mas eu dou meu braço a torcer porque a Emeraude construiu uma fragilidade na Izzy que a transformou em uma personagem ainda mais forte, mais amada e mais humana. Se o objetivo era esse, parabéns, vocês conseguiram. Oh e a cena dos dois cozinhando foi extremamente sexy, vamos concordar.

#Max

Um dos personagens mais fofos do livro e da série é o responsável por finalmente dar nome a relação Malec. Ao chamar Magnus de namorado do Alec a reação deste foi impagável. A cara de “namorado? Ok, eu gostei, posso lidar com isso” do Alec foi demais pra qualquer coração Malec. E ainda tivemos a inocência da criança, lidando com um relacionamento não aceito pelos pais de uma forma tão simples e prática. Arrasou!

#Jimon

 

Essa eu vou simplificar: Jace ensinando ao Simon como conquistar garotas valeu por uma temporada inteira. Eu ri tanto que perdi o fôlego.

Cenas favoritas:

  • Rooftop – Quando Jace e Clary encontram Ithuriel foi uma das melhores cenas e um dos melhores episódios da série.
  • Simon sentindo o sol pela primeira vez depois de ter se transformado em vampiro. Sério, Simon é o meu personagem favorito e eu cheguei a me emocionar com essa cena. 

Eu poderia continuar listando motivos pra ter amado a season 2A de Shadowhunters porque realmente foi incrível. Eu espero que você tenha amado tanto quanto eu.