Entrevista com : Fábio Coala do Mentirinhas

Entrevistamos o artista gráfico formado em publicidade e propaganda Fábio Coala, criador do site Mentirinhas e criador do mascote do Mundo Conectado entre outros, o site Mentirinhas surgiu em janeiro de 2010 e de lá para cá vem formando um publico cada vez mais fiel, e a série de tiras em quadrinhos criada por Fábio Coala, que acaba de virar uma Graphic Novel que será lançada em setembro deste ano, que nada mais é que um gibizão, com uma história inédita do Monstro (criada na época de bombeiro).

O livro terá aproximadamente 240 páginas em papel polen (aquele de livro, meio amarelado), algumas coloridas e outras em preto e branco. Serão 180 páginas da história mais os extras (esboços e algumas surpresinhas).

Mas vamos a entrevista :

Panda: Fale um pouco de você, quem é Fábio Coala?
Coala: Um desenhista que no meio do caminho parou pra ser bombeiro, aprendeu algumas coisas e depois continuou a jornada.

Panda:O Mentirinhas possui várias histórias que contam sobre vida, uma delas é sobre crescer e se tornar um super-herói e você deixa claro que esse sonho se torna realidade. Quem é seu grande herói? E o que te motivou a virar bombeiro e quão importante isso foi para você?
Coala: Não sei se tenho um grande herói. Acho que os maiores heróis não aparecem na tv e passam quase desapercebidos. Alguns usam fardas, outros jalecos mas os melhores usam de pequenos gestos e atitudes para mudar o mundo a sua volta.

Panda:Qual foi o momento mais difícil e melhor ao ser bombeiro?
Coala: Toda ocorrência com criança/bebê é complicada. Lembro de duas que marcaram bastante. Um dia conto na série AUDAZES. Também foi difícil tomar a decisão de deixar o Corpo de Bombeiros. Melhor é difícil. É uma profissão muito gratificante. Ajudar a salvar uma vida é algo incomparável por toda emoção que está relacionada , medo, gratidão, satisfação…

Panda:Desde sempre você desenhou, até mesmo enquanto estava nos bombeiros, essa paixão por desenhar foi o motivo que o fez deixar os bombeiros?
Coala: Sim. Ser bombeiro exige muito. Chegou um momento que eu tive que escolher. Queria muito contar minhas histórias e sendo bombeiro seria bem difícil. Pra fazer algo bem feito é preciso foco e dedicação. Mas foi a experiência mais intensa da minha vida, indispensável pra fazer o que faço hoje.

Panda:Sei que antes do Mentirinhas você já trabalhou em um jornal com direção de arte, onde nasceu o Natanael e o Caco. Podemos dizer que eles são os precursores do mentirinhas ou você já tinha vários personagens criados?
Coala: Na verdade eu trabalhava em outro lugar como publicitário e as tirinhas no jornal eram um extra. Sim, foi pra divulgá-los e dar uma motivação pra continuar produzindo tiras que criei o mentirinhas.

Panda:O que te fez mudar tudo e decidir trabalhar por si só?
Coala:Acho que não bato bem da cabeça (brincadeira… ou não). Eu trabalhava longe, perdia 3 horas do dia no trânsito. Daí chegou um momento que eu comecei a desenhar menos e cuidava mais da direção e burocracia. Tinha guardado algum dinheiro e pensei: hora de passar de fase novamente.

Panda:Sei que você tem uma grande parceria com o Cid do Não Salvo, ele que te deu a ideia de criar um blog de humor? Ele que te ajudou nessa nova fase?
Coala: Sim. Trabalhamos juntos antes do Não salvo. Ele já falava em blog e eu achava que aquilo não tinha futuro (não falei que não bato bem da cabeça?). Mas acho que o primeiro a publicar uma tirinha minha foi o Jacaré banguela que , infelizmente, ainda não conheço pessoalmente. Depois meio que virei o desenhista oficial do Não Salvo, mas tudo pago direitinho. Ele sempre foi profissional e nunca pagou “com divulgação”, essa parte de parceria é mais pela amizade antiga. Ainda hoje, vez ou outra, faço desenhos pra ele.

Panda:Quando nasceu o Mentirinhas em sua mente e quanto tempo levou para ele se tornar realidade? E também qual a importância dele em seu trabalho hoje?
Coala:Todo o processo deve ter demorado uns 3 meses.

Panda:Caco, Natanael, Marcos, Monstro, Olavinho, Segunda, Realidade e muitos outros… Qual deles você pode dizer que tem a sua personalidade? Qual o seu favorito e qual o que os seus fãs mais gostam?
Coala:Vixe! Cada um tem um pouquinho de mim. Simpatizo muito com o Caco, pois também sou chato. Todos temos um pouco do MHDM e o Monstro… O Monstro é um caso a parte. Sem dúvida ele é o favorito da maioria.

Panda:Continuando com os personagens o Caco já te fez virar vegetariano? E algumas histórias do Marcos fazem partes de sua vida?
Coala: Não, o Caco ainda não me converteu. As histórias do Marquinhos são universais, acontecem todos os dias com todo mundo. Só espero que ninguém venha a destruir o mundo.

Panda:Qual a sua tirinha favorita e por quê?
Coala: Engraçado é que tem algumas tiras que gosto muito, penso “essa vai bombar” e quando publico, nada. Outras faço sem ter gostado muito, meio que na emergência e bombam. Aprendi a não me apaixonar muita nem desgostar de nenhuma tira. Pra alguém aquela tira será legal e pra outros um lixo. Mas as HQs de sexta são as minha preferidas. Independente de serem do Monstro. Amo fazê-las.

Panda:Toda tirinha você coloca um tag enorme e sem padrão, como oamorfazcoalassecasaremcomovelhas,essamortetámaisgostosinhaqueamaioriadamodelos, essaturminhadobemétãoanosdemodê e várias outras como essas. De onde você veio com isso e muitos fãs perceberam a ideia?
Coala: Tem gente que não reparou nisso até hoje. Não sei bem onde vi isso pela primeira vez. Acho que foi no Capinaremos. Era uma brincadeira que hoje não posso mais deixar de fazer. Igual as frases abaixo das tiras.

Panda:Uma frase sua é “Não confio em quem não tem uma dancinha da vitória”, quantas dancinhas você têm, quantas danças o Mentirinhas já ter proporcionou e por que não confiar em quem não tem a dança da vitória?
Coala: Uma dancinha só. Já fiz ela por várias vezes durante minha vida. Hoje a Sra Coala me acompanha (podia falar, amor?) sempre que acontece algo legal em nossas vidas. Não é a dancinha em si, mas o que ela representa, externar uma alegria que já não cabe em você, comemorar algo especial, ser tão feliz a ponto de ser idiota. Se alguém não se permite isso, bom sujeito não deve ser.

Panda:Você já fez uma critica muito legal sobre memes. Qual a sua relação com eles? E esse Josimar é gente fina mesmo, deve ter te animado diversas vezes. http://mentirinhas.com.br/riso-facil/
Coala: Engraçado é que conheço vários desenhistas que odeiam realmente os memes, mas não tem coragem de dizer. Eu não os odeio. Até usei algumas carinhas em algumas tiras. Mas quando banalizou e perdeu a qualidade fiz uma critica, que também serviria pra muitos programas de tv, filmes e etc.

Panda:Você tem diversas HQ ou Ilustrinhas, como 10aprendendo, Audazes entre outras. Quando veremos um 10apredendo coalas e pandas?
Coala: Adoro pandas. Já fiz algumas tirinhas com eles. Com certeza um dos próximos 10aprendendo será sobre ursos e vou dar um jeito de encaixar o coala, claro.

Criador e criatura

Panda:O Monstro é um personagem diferente de todos os outros, é o personagem que passa força, esperança e ensinamentos. De onde surgiu a ideia de tornar um monstro em um dos personagens mais marcantes não só de seu site, mas de toda a webcomics brasileira.
Coala:Uia! Quem falou isso? Como respondi em outra pergunta, o Monstro é um caso a parte. Já fiz uma HQ contando mais ou menos como surgiu a ideia dele: http://mentirinhas.com.br/uma-luz/ Ele está diretamente ligado a minha experiência como bombeiro. De ver tanta gente indefesa precisando de proteção. Ver que na hora do medo/sofrimento todo mundo volta a ser criança, até os mais durões. Acho que criei o Monstro pra me proteger e ele acabou abraçando um monte de gente.

Panda: Quanto a nossos mascotes, algumas vezes pandas apareceram no Mentirinhas ou em sua tags. Na primeira HQ do Monstro tem a tag euquerovirarumpandasealgumdiaeraufizeroutroposttrabalhosodestespromentirinha, você tem diversos posts complexos, com isso a questão é qual o problema de ser um panda? http://mentirinhas.com.br/aureolos-97/
Coala: Nenhum. É que muita gente confunde. Pelo menos uma vez por semana alguém manda algum comentário do tipo: já comeu bambu hoje? Coalas comem eucalipto, pô!

Panda:Pandas e colas são considerados fofos. Quando você causou um AVF(Ataque Vascular por Fofura) em alguém?
Coala:Hum… Nunca. Muito pelo contrário. No lançamento do Melhores Mentirinhas 1, uma criança olhou pra mãe que havia ido comprar um livrinho e disse: a Sra falou que ele era um coala… – Coitadinha!

Panda:A Graphic Novel do Monstro foi um grande sucesso e mesmo assim alguns fãs não conseguiram adquirir o livro, há a possibilidade de mais edições do que as já vendidas? http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=VRxjC-vybik
Coala:Na verdade o projeto de financiamento que foi um sucesso já que a Graphic Novel ainda está longe de ficar pronta. Foi uma das maiores surpresas da minha vida. Superou absurdamente minhas melhores expectativa. Em pouco mais de 24 horas alcançou o financiamento. No segundo dia tive que limitar as opções de contribuição e no terceiro dia acabaram todas. Recebi tantos emails e mensagens que tive que abrir mais algumas. Abria 30 por semana em horas marcadas e esgotavam em minutos. Agora, o mínimo que posso fazer é tentar superar pelo menos um pouquinho as expectativas de quem apoiou o projeto. E já é certo que o livro será vendido após as entregas. Com a grana extra do projeto aumentarei o número de copias.

Panda:Você deve ser frequentemente questionado sobre a pelúcia do Monstro e eu não poderia deixar essa oportunidade passar. Há alguma novidade ou alguma previsão quanto a ele?
Coala:Não sei quando a entrevista irá ao ar, mas os monstros já estão comigo. O problema agora é a parte burocrática da empresa pra poder vendê-los legalmente.

Panda:Você fez o logo de diversos sites como o nosso Panda, o Jesus do Não Salvo, o Monge do Os Profanos. Qual já foi o trabalho mais difícil que você fez e qual o que você mais gostou de desenvolver?
Coala: Não sei… Cada um tem algo que o torna especial. É tipo escolher o filho que gosta mais.

Panda: Sobre o processo de criação, você tem sua musa inspiradora. Normalmente é essa mesmo a canção que vem a seus ouvidos em momentos de falta de criatividade? http://mentirinhas.com.br/familia-coala-musa/
Coala:Sim. Chego quase a fazer a dancinha da vitoria quando tenho uma inspiração e sai uma boa ideia sem esforço. A maioria na porrada, colocando os miolos pra trabalhar.

Panda: Como você vê o futuro do Mentirinhas?
Coala:Não penso muito nisso, quase não dou conta do presente… Faço o melhor que está ao meu alcance seguindo tudo aquilo que acredito. Acho que aos poucos as coisas vão acontecendo.

Panda: Você vem trabalhando com o Mentirinhas, a GNMonstro e as pelúcias do Monstro… Há algum outro projeto em andamento ou alguma nova ideia que você poderia nos contar
Coala:Quero fazer mais alguns produtos além da pelúcia. Também tem dois projetos com HQs minhas que talvez rolem neste ano. Vamos aguardar.

Panda:Muito obrigado pela entrevista =D! Agora o espaço é seu para mandar a mensagem que quiser.
Coala:Que o Monstro proteja a todos nós… Porque não tá “fássio”.